Porque cIn – dia 10

E AGORA CHEGAMOS AO DIA 10, AEEEE MOLEQUE!!!, TODO MUNDO SOFRENDO? SQS!

E hoje tivemos coisas legais como: demonstração louca, problemas sem solução, cálculo, discreta, cálculo,discre….êta, mas foi legal que hoje começou a primeira atividade em grupo o/!, em IC, teremos de pesquisar como anda o curso de Ciências da computação no mundo. E meu grupo ficou definido como: Vitor (MONSTROOOO!) , Marcela ( Simpática – sqn.) e Arthur, que fica tirando onda por ai :P.

Mas discreta está realmente complicado, junto com cálculo, de qualquer forma. As questões trazem um nível de complexidade muito acima do esperado mas é legal quando você consegue suprir ( ou o google) o GAP entre o seu conhecimento e o conhecimento exigido para realizar as atividades.

Porque cIn – dia 8 e 9

Esses posts com os títulos “dia X e Y” são tensos, geralmente acontecem porque eu não tive tempo ( por estar estudando/ trabalhando, etc.) De qualquer forma, vamos às news:

1. Não consegui passar para a terceira fase do SGB Lab , o que foi triste, mas valeu muito o aprendizado e todos os contatos angariados durante o processo. Experiência é algo que sempre vale muito a pena, contudo, “cabou”.

2.  Cálculo I é extremamente difícil, principalmente por conta dos fatores anteriores( má base) , estou correndo atrás para estudar todos os dias, o que se reflete na resolução de outras cadeiras como Álgebra Linear e Discreta.

3. TEM MINI PROVA SEMANA QUE VEM PAPAI, vamos chorar muito – sqn, tem de estudar para discreta, para aqueles que possuem a acesso a “Matemática Discreta e suas aplicações” leiam os tópicos 1.5,1.6,1.n…. E 2.1 e 2.2 (Operações com conjuntos), pois estes serão os assuntos da mini-prova.

4. Em relação à IP, espero me divertir mais vendo o progresso da galera, o pessoal já tem uma capacidade dedutiva muito foda pow( tendo em vista que tiram onda em Cálculo I) e a galera surpreende, espero que os meninos melhorem e se destaquem na universidade.

Hoje foi bem mais suave, almocei com Marcela, Victor e Ladson, e foi engraçado que todo mundo concordou : “Amém por pagarmos somente Cálculo I “kkkkk , deve ser bem difícil estudar todo o resto mas é interessante, no mínimo :).

Esse FDS tem cálculo e Discreta na cabeça haha.

Porque cIn – dia 7

Fala galera, bom dia!
E porque eu estou postando pela manhã? porque este post foi escrito no busão haha.
Estudando cálculo a noite inteira, foi interessante interagir com Paulo Vitor e a galera da turma nos grupos, o pessoal se garantindo ai nos cálculos e ainda tem doido que aparece para PERGUNTAR ÀS 12HRS, PQP kkkk, no meu caso, se eu não dormir antes das 12hrs, eu chego ao C.E.S.A.R. destruído e não consigo produzir nada que utilize massa cefálica corretamente.

Mas vamos ao dia 7, a aula de cálculo foi tensa mas interessante, eu estava estudando pelo stewart e percebi que ele pula certos assuntos muito rápido mas a professora de cálculo me ajudou( e ajudou toda a turma) a entender alguns problemas que ela demonstrou no quadro mesmo que as luzes tenham sido apagadas haha. O que gosto de ver são como as regras sobre os domínios de determinadas funções agora se tornam mais simples pois passo a escrever as regras toda vez que resolvo um problema, encontrar o limite de algo ou calcular os limites laterais, por exemplo.

CALYPSOOOOO liberou a lista o/!, negócio meio hard mas está interessante provar as coisas novas de cálculo I (e a galera diz que é easy demais comparado aos outros, ok né?). Mas em DISCRETA a professora me deu as dicas de quais assuntos estudar, o negócio fica meio tenso de provar O.o mas interessante de qualquer maneira, fica uma dica: galera, a lista e tudo que os professores entregarem, quem conseguir, compartilha no dropbox, a gente pode entregar isto aos próximos alunos.

E eu acho que por hoje é só, nesse meio tempo ai eu fico socado no laboratório onde o C.E.S.A.R. possui um espaço e trabalho de lá, correndo feito louco para terminar algumas tasks mas é massa como o trabalho acontece.

E o nosso coordenador de curso é gente boa, ele não se conteve com leonardo mas foi legal.

Abraços galera!

Porque cIn – dia 6 #2

Pessoal, to um pouco cansado, estudando discreta e pá, sei que lá e tal.

Mas então, tem as questões de IP, né? Eu vou tentar descrever o processo lógico por trás do programada da calculadora:

Primeiro, para qualquer ser que esqueceu como criar um programa do zero no eclipse, tem o link da nossa matéria aqui:

http://www.cin.ufpe.br/~if669/material/aulaEclipse/

Acho que todos sabem quais operações básicas uma calculadora deve ter: 1. Soma, 2. Subtração, 3. Multiplicação e 4. Divisão, então iremos implementar essas 4 operações.

A primeira coisa que faremos é mostrar um pequeno menuzinho para o usuário que será igual a este aqui

1. Somar

2. Subtrair

3. Multiplicar

4. Dividir

5. Sair

E para manter nosso código rodando vamos usar uma variável booleana (para saber mais sobre booleanas: http://www.dca.fee.unicamp.br/cursos/PooJava/sintaxe/boolean.html , olha discreta ai) chamada rodando:

Boolean Rodando
Boolean Rodando

“Enquanto o programa estiver rodando” (while(rodando)) nós pediremos que o usuário escolha uma das operações;

Mas de que forma melhorar o controle de quais operações utilizar? Uma boa ferramenta para isto é o switch()…case…E eu utilizo ele aqui para detectar qual operação eu vou fazer , traduzindo este switch()…case… para uma proposição seria:”Eu conheço answer, caso answer igual a 1, some, caso answer igual a 2, subtraia…”, para mais sobre switch(http://www.tiexpert.net/programacao/java/switch-case-default.php).

Screen Shot 2014-09-23 at 10.54.49 PM

Como vocês perceberam , fiz algumas mudanças que vocês não perceberam, entre elas a criação do menu, espero que vocês compreendam o uso do switch case neste caso.

E para terminar, aqui está todo o programa, prestem atenção no if() que coloco quando a operação é divisão pois caso eu não faça isso, possivelmente seu programar irá dar erro de execução(enquanto o programa está rodando).

Screen Shot 2014-09-23 at 11.00.49 PM Screen Shot 2014-09-23 at 11.01.24 PM

Testem ai e vejam se roda! 😀

Porque cIn – dia 6

EAEEE PESSOAL, hoje eu me lasquei em Álgebra por conta daqueles V ou F’s digo logo viu?!

mas começando de verdade o post ( para os interessados, eu faço ele quando estou em momentos ociosos após as aulas, então ainda continuo a estudar o horário que estudaria normalmente.)

E hoje basicamente só houveram as atividades com os monitores de IC, o que deixou a galera bem animada sobre como fazer as coisas e o que pesquisar, eles trouxeram desafios que irão adiantar conteúdos legais como switch, for e essas ferramentas de controle de fluxo dentro de uma aplicação, e hoje eu to estudando discreta e cálculo, infelizmente, calcular o infinito é muito hard sem uma calculadora, PQP.

Porque cIn – dia 5

Boa noite pessoal! Como vocês tem utilizado o tempo de vocês? O whats graças a Deus está movimentado, agradeço de fazer parte de uma turma com uma boa parte engajada em estudar tudo isto. Hoje tive uma das boas experiências e uma das que mais busco fazer em toda a minha vida: explicar e ensinar.

Porque eu gosto disto? Para ensinar ou explicar algo com qualidade você tem de saber aquilo COM QUALIDADE.  E foi interessante “explicar”(pois somente ensinei aos meninos o que é programar, analisa, pensa e faz ao invés de “GO CODEEEEE!”) como fazer uma multiplicação de dois números em java sem utilizar o operador aritmético de multiplicação, foi complicado mas foi interessante ver os meninos entenderem e quem precisar de ajuda procure MARCELA ou MAYARA, as duas agora tem de repassar( vide o conceito de explicar e aprender que dei acima).

Em relação à IP, a atividade necessaária para ser feita é esta aqui: http://www.cin.ufpe.br/~if669/material/aulaEclipse/ ,  tentar fazer esse exercício é essencial para começar as resenhas dos devs o/!, e basicamente foi isto que aconteceu em IP.

E VAMOS PARA IC, sério, o sinônimo desta cadeira é informação porém hoje somente conversamos e conhecemos o trabalho da professora, infelizmente as pessoas não percebem o quanto é importante é estar informado, pois muitos procuram fazer o CsF porém não possuem foco algum em qual universidade, país ou cadeiras irão cursar, pessoal, a professora deu uma dica interessante à todos nós, aproveitem a deixa e mandem bala pois eu estou indo estudar caálculo, que o bicho pega nele hehe.

Post dedicado aos lindos Paulo Vitor e Felipe dos Anjos ❤

Porque cIn – dia 3 e 4

Esse atraso já demonstra o que descobri do cIn há uns 3 anos atrás: TEM DE ESTUDAR MEU VELHO!. Mas foi bem legal as aulas, vários pensamentos legais e uma galera inteligente, discutindo sobre assuntos às vezes nem tão inteligentes hahaha.

Mas o grupo do whatsapp está ficando cada vez mais legal com as dúvidas e correções sendo feitas, o que trás cada vez mais conhecimento para todo mundo, entre eles na ajuda da resolução de perguntas de cálculo e álgebra( os macabros) desse período, e a aula de IP foi bem legalzinha, o professor é didático e tal.

Houveram algumas formalidades como por exemplo, as apresentações das monitorias de IP(onde eu tive de falar o que já sabia >.<), mas que foi legal pois os meninos vão poder contar com pessoas mais experientes na cadeira para se ajudarem e o monitor de novo fez a pergunta:”E a monitoria? como faz para entrar?” #MITO!.

E a segunda formalidade foi a apresentação do Reitor ( to curioso para saber o plano da UFPE 200 anos 2013-2027, gosto dessas coisas.) e foi interessante ver as diferenças e semelhanças nas áreas de atuação e estudo dos três cursos presentes no cIn.

Em relação à cálculo…..Interessante perceber que os estudos do ensino médio deveriam ser mais utilizados pelos professores para aqueles que querem se formar, poucos professores(e alunos) se dispõem a estudar/aprofundar os assuntos dados em sala de aula, o que causa uma discrepância enorme entre os ritmos da universidade e da escola, causando um certo choque em quem chega em uma Universidade de Alto nível como a UFPE. O conceito mais complicado de entender em relação a limite é relacionar o fato de que a maioria dos cálculos irão envolver propriedades das funções estudadas durante o ensino médio.

Mas uma das coisas legais que aconteceram foi a resposta da professora Joelma a uma pergunta minha: “Eu não tenho tempo agora mas com certeza irei responder” e ela anotou a questão para responder! Isso é algo que poucos professores fazem e me sentir felizardo por ter uma professora de cálculo assim :D.

E acho que isso é tudo pessoal.

Porque cIn – dia 2

EAEEE GALERA!

Tudo tranquilo? Então, o meu segundo dia foi bem mais animado, encontrei amigos que convivo nos FDS e no skype da vida como conheci novas matérias e novos assuntos, felizmente/infelizmente, teremos de rever assuntos antigos para nos aperfeiçoarmos nos novos.

Em relação a Cálculo I, aqui está nossa professora:

joelma1

o/! E ela já começou botando quente e se o pessoal quiser compartilhar questões mais desafiadoras, compartilha aqui nos comentaários, no grupo do face, no what’s, só compartilhem! Quanto mais aprendermos, melhor para todos nós. E falando nisto, o grupo de estudo criado por mim começará na próxima terça a partir das 5hrs(17), espero que vocês apareçam.

Além disso tivemos a palestra com os gênios das maratonas que ficam tirando onda com a galera ITA porque a gente sempre vence, quero ver minha turma compondo esta galera da maratona e detonando em outros países ou sendo monitores de alguma turma( cara que eu não sei o nome, você vai ser monitor cara, relaxa.)

E para terminar tivemos aula de Matemática discreta e a professora pareceu ser daquelas tipo mãe, muito tranquila e gente boa, e introduziu o conceito muito bem, me deixou com curiosidade. Espero que quem tenha aula com ela aproveite sua dedicação.

E acho que é isso pessoal, valeu pelo dia legal hoje.

Porque cIn! – dia 1

Então pessoal, cá estou! e com mais uma nova série aqui dentro do blog, chamada “Porque cIn!”, e esta série é para mostrar minha luta diária para ser um bom aluno dentro do cIn e das atividades legais e divulgar as coisas legais que outros alunos fazem aqui dentro, pois com certeza a galera da turma que faço parte vai se desenvolver muito!.

E hoje foi o primeiro dia, e já tivemos PROVA!, a UFPE enfrenta um desafio em relação ao seu curso de CC (Ciências da Computação): Os alunos não chegam à universidade preparados o suficiente para enfrentar a carga do curso e acabam aumentando os índices de reprovação, o que abala a visão sobre a Universidade como centro de ensino, por isso, hoje tivemos uma prova “background” para testar nossos conhecimentos do ensino médio mais necessários durante o curso, para a galera que quer revisar: Geometria Analítica, Matrizes, Funções e polinômios foram os assuntos presentes e alguns assuntos básicos como frações e geometria plana(conceito aplicado dentro da geometria analítica).

E na segunda aula da minha turma, comecei IP, com o professor dando a diretrizes da cadeira e como ela vai se desenvolver, usaremos Java e aprenderemos OO o/!

E aqui vem a HARDWARE(interna…tendeu?) do dia:

rasta

Até amanhã pessoal, os posts irão se tornando mais longos assim que escrevermos mais linhas de código o/!

Então você quer ser o “sobrinho” que faz sites?

Estou começando minha carreira como web developer ( desenvolver web) aqui no Brasil, especificamente, na cidade do Recife. Assim eu posso me tornar um melhor desenvolvedor Web e, se minhas habilidades permitirem, um analista de dados. Até então, eu tenho aprendido muito sobre quais são os desafios de começar com Web Design, o principal deles: provar que o que você sabe possui valor.

E para demonstrar este valor você precisa necessariamente de um portfolio. Enquanto meu primeiro projeto ainda não acaba, meu portfolio está vazio (não posso divulgar a URL do projeto até que ele esteja no ar). Mas é bem interessante sobre como ser um web developer vai muito além de saber linguagens Back-End ou Front-End, envolve também saber tratar o cliente, demonstrar progresso, e devolver valor(aprendo muito sobre isto no meu trabalho formal, no C.E.S.A.R).

Imagine a seguinte situação: você e seu cliente acordam que você tem o prazo de 1 mês para entregar um projeto, ok, e após um mês, no dia da entrega, você diz que não conseguiu fazer um site pois a partir da segunda semana seu computador pifou? Como você acha que será a reação do cliente? Imagine que você é o cliente ( isso se chama Empatia), então para tais situações e comunicação, existem ferramentas muito boas e entre elas uma que recomendo se chama Trello, com ela você pode dizer quais tarefas irá fazer, quais você está atualmente realizando e outras colunas que você quiser adicionar.

A vida de freela iniciante não é muito fácil, você tem de provar que é bom e entregar bons produtos mesmo que lhe paguem abaixo do valor de mercado, tendo em vista que você comece a vida de freela sem ter nenhuma experiência profissional anterior, caso contrário seu know-how possivelmente lhe ajudará a firmar novos clientes. E estas são as dicas de hoje para quem quiser ser “sobrinho”.

E entre as skills(habilidades) que você precisa começar é: pesquise bem, tente lançar um site com toda a programação possível, conheça bons hosts e, do lado da programação, coisas que você deve aprender: HTML, CSS e Javascript e coisas que você pode aprender e deve aprender pelo menos uma dessas linguagens: Java, Python, PHP, Ruby.

Semana tem dicas sobre bons sites para ajudar a procurar freelas!

Bons caminhos para quem quiser pesquisar mais sobre a vida de um web freelancer:

http://www.totaljobs.com/careers-advice/inside-careers/day-in-the-life-web-designer

https://www.linkedin.com/today/post/article/20140606020740-151233541-life-of-being-freelance-web-developer

http://lifeofthefreelancer.com/